Líbia

Líbia

Informar, uma missão quase impossível

O impasse político no qual se encontra o país por causa da crise aberta entre o leste e o oeste da Líbia tornou o trabalho dos jornalistas extremamente difícil, fazendo com que arrisquem suas vidas para informar. O governo de união nacional, nomeado em março de 2016 e dirigido de Trípoli, não foi capaz de conter o fenômeno de impunidade dos abusos e crimes cometidos contra os jornalistas. Alvos das milícias armadas ou do Estado Islâmico, três jornalistas, dois líbios e um holandês, foram mortos em 2016.

163
na Classificação Mundial da Liberdade de Imprensa 2017

Posição

+1

164 em 2016

Pontuação global

-1.08

57.89 em 2016

  • 0
    Jornalistas assassinados em 2017
  • 0
    Jornalistas cidadãos assassinados em 2017
  • 0
    Colaboradores assassinados em 2017
Ver o Barômetro