#FreeIhsaneElKadi: assine a petição para pedir às autoridades argelinas que libertem imediatamente o diretor da Radio M e Maghreb Émergent!

20577 / 50000 signatures

Os seus dados permanecerão estritamente confidenciais e protegidos. Você pode cancelar a sua inscrição a qualquer momento via o link que se encontra abaixo dos nossos emails. Da mesma forma, você pode modificar ou apagar os seus dados enviando um email para o endereço [email protected]

This question is for testing whether or not you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.

Apoie a campanha da Repórteres sem Fronteiras (RSF) pela libertação urgente do diretor do meio de comunicação argelino, Ihsane El Kadi, que está detido arbitrariamente desde 24 de dezembro.

Ihsane El Kadi é jornalista freelancer, ferrenho defensor da liberdade de imprensa e diretor da emissora argelina Radio M e do site de notícias Maghreb Émergent, dois veículos de comunicação críticos às autoridades na Argélia. Alvo de um verdadeiro assédio político e judicial, há anos El Kadi vem sendo vítima de crescentes intimidações por parte das autoridades, via prisões e processos judiciais. Desta vez, depois de ter sido intimado duas vezes em novembro pelas forças de segurança, ele foi detido em 24 de dezembro. No dia seguinte, seus dois veículos de comunicação foram lacrados e ele acabou preso quatro dias depois.

Em meados de janeiro, a Justiça argelina confirmou sua detenção no âmbito de uma investigação de "arrecadação ilegal de fundos e suposta ameaça à segurança do Estado”. A decisão pegou de surpresa seus familiares, entes queridos e seus advogados, que não foram informados da alteração da data da audiência para análise de seu recurso - inicialmente marcada para 18 de janeiro - e não puderam, portanto, apresentar seus argumentos. “É uma violação do direito de defesa”, lamenta um membro do coletivo de defesa do jornalista. 

A detenção de Ihsane El Kadi suscitou uma onda de indignação e uma vasta campanha de apoio internacional, liderada em particular pela RSF, que oficialmente acionou as Nações Unidas e lançou um posicionamento comum de 16 diretores de meios de comunicação e de redações sobre o caso, incluindo o editor-chefe da Novaya Gazeta, Prêmio Nobel da Paz 2021, Dmitri Muratov.

A manutenção da detenção arbitrária de Ihsane El Kadi e o processo injusto a que ele está sujeito são intoleráveis. As prisões argelinas não devem ser usadas para silenciar vocês de jornalistas independentes.

Pedimos que você assine com urgência esta petição instando as autoridades argelinas a libertar Ihsane El Kadi sem demora e a retirar todas as acusações contra ele. #FreeIhsaneElKadi!

Publié le