Bulgária

Bulgária

Opacidade e corrupção fragilizam a liberdade de imprensa

No Ranking Mundial da Liberdade de Imprensa, a Bulgária possui a pior pontuação da União Europeia. Culpa de um ambiente dominado pela corrupção e pela colusão entre as mídias, os políticos e os oligarcas. Entre os quais, Deylan Peevski, ex-chefe da inteligência, deputado e dono do New Bulgarian Media Group (seis títulos). Seu grupo controla também cerca de 80% da rede de distribuição das mídias do país. A alocação pelo governo de fundos europeus para certas mídias é feita na maior opacidade, facilitando a corrupção de certos órgãos de imprensa que se mostram assim totalmente complacentes ou evitam abordar assuntos que irritem os poderosos.

109
na Classificação Mundial da Liberdade de Imprensa 2017

Posição

+4

113 em 2016

Pontuação global

+0.55

34.46 em 2016

  • 0
    Jornalistas assassinados em 2017
  • 0
    Jornalistas cidadãos assassinados em 2017
  • 0
    Colaboradores assassinados em 2017
Ver o Barômetro