Alemanha

Alemanha

Salvaguardas constitucionais, mas ameaça de violência

ólidas garantias constitucionais e um judiciário independente asseguram um ambiente de trabalho favorável para jornalistas na Alemanha. O Tribunal Constitucional sempre se pronunciou a favor da liberdade de imprensa. No entanto, em comparação com os padrões internacionais, as leis alemãs de acesso à informação são fracas. O pluralismo da mídia está se desgastando lenta mas constantemente por razões econômicas, especialmente no que diz respeito aos jornais locais.  Além disso, por vezes, os jornalistas são ameaçados, assediados ou até agredidos fisicamente por grupos extremistas e manifestantes hostis. Embora a maioria dessas violações seja atribuída à extrema direita, algumas também têm origem na esquerda radical.  O ano de 2020 foi particularmente violento para jornalistas, especialmente durante manifestações  diante das restrições devido à pandemia de Covid-19, em que alguns foram atacados. Reina um clima de desconfiança, que políticos populistas tentam sistematicamente alimentar. 

13
na Classificação Mundial da Liberdade de Imprensa 2021

Posição

-2

11 em 2020

Pontuação global

+3.08

12.16 em 2020

  • 0
    Jornalistas assassinados em 2021
  • 0
    Jornalistas cidadãos assassinados em 2021
  • 0
    Colaboradores assassinados em 2021
Ver o Barômetro